12 de jul de 2012

Prefeita de Santarém é casada pelo TRE.

O Tribunal Regional Eleitoral do Pará cassou os mandatos da prefeita Maria do Carmo (foto) e do seu vice-prefeito José Antônio Rocha, acusados de compra de voto na eleição de 2008 à prefeitura de Santarém.

A decisão dos juízes, por unamidade, foi cassar o diploma da prefeita e do seu vice, porém, a outra decisão foi manter Maria do Carmo no cargo até o processo chegar na etapa de trânsito em julgado.

A prefeita foi acusada de abuso de poder político, de autoridade e compra de votos na campanha eleitoral de 2008, quando ela foi reeleita. As acusações são da coligação adversária, liderada pelo Partido Democratas (DEM).

Fonte: Jeso Carneiro



Nenhum comentário:

A pedido dos Munduruku, MPF intensifica atuação contra garimpo ilegal em terra indígena no Pará

O Ministério Público Federal (MPF) convocou reunião para esta sexta-feira (20) em Itaituba, no sudoeste do Pará, para levantar dados sobre...

Postagens mais visitadas