30 de out de 2012

Polícia procura 2º suspeito que estava em avião com 400 kg de droga em MT

Avião precisou fazer pouso forçado em fazenda por falta de combustível.
Piloto foi preso e disse à polícia que carregou avião com droga na Bolívia.

Dhiego Maia Do G1 MT

Aeronave precisou fazer pouso forçado por falta de combustível (Foto: Assessoria/Polícia Civil)
Aeronave precisou fazer pouso forçado por falta de combustível (Foto: Assessoria/Polícia Civil)
A Polícia está à procura do segundo suspeito de transportar 400 quilos de cocaína em um monomotor apreendido pela polícia na tarde desta segunda-feira (29) no interior de Mato Grosso. O carregamento só foi descoberto porque a aeronave, de modelo Cesna, precisou fazer um pouso forçado em uma fazenda. De acordo com o delegado Gustavo Garcia Francisco, a aeronave foi descoberta na comunidade de Bom Jardim, em Nobres, a 151 quilômetros de Cuiabá.

O piloto, que seria boliviano, fez o pouso forçado porque teria faltado combustível na aeronave. “Fizemos a abordagem da aeronave e prendemos o piloto no local”, informou o delegado. Com ele, os policiais apreenderam uma pistola 9 milímetros. Na Justiça, ele vai responder por tráfico internacional de drogas. Já o segundo suspeito conseguiu fugir na mata e continua sendo procurado pela polícia. A segurança no local foi reforçada.

Na aeronave, segundo informou o delegado, foram encontrados 354 tabletes de cocaína que estavam envolvidos em sacos plásticos. A droga será encaminhada para Cuiabá, onde será pesada no Instituto Médico Legal (IML).
Cocaína estava embalada em sacos plásticos dentro da aeronave (Foto: Assessoria/Polícia Civil)
Cocaína estava embalada em sacos plásticos dentro da aeronave (Foto: Assessoria/Polícia Civil)
O piloto da aeronave não informou para onde estava levando o carregamento da droga, mas disse que a aeronave foi carregada com cocaína em Pando, na Bolívia. O flagrante da apreensão será registrado pela Polícia Federal. Segundo a PF, Mato Grosso é rota do tráfico de drogas entre Bolívia e Brasil. Cerca de 20% da cocaína apreendida no país passa pelo estado, confirmou a PF.

De acordo com a delegada Alana Cardoso, da Delegacia Especializada de Repressão a Entorpecentes (DRE), essa pode ser a segunda maior apreensão de droga neste ano em Mato Grosso. "Causou estranheza o fato de ser cocaína em pó. O que é comum na fronteira de Mato Grosso e Bolívia é pasta base de cocaína que chega aqui e vai para o resto do país. Apreensão de pó não é padrão. Isso leva a uma série de hipóteses", declarou a delegada.

Ainda de acordo com a delegada, o avião vai permanecer na fazenda. Uma equipe da Polícia Civil vai se deslocar ao local nesta terça-feira (30) para retirar a aeronave que está sem condições de voo e, ainda, sem combustível.

Nenhum comentário:

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

Vereadores de Jacareacanga aprovam novo Código Tributário e de Obras

A Câmara Municipal de Jacareacanga aprovou nesta sexta-feira (15) os Projetos de Lei do Novo Código Tributário Municipal (CTM) e de Obras ...

PortalBuré

Portal Buré © 2016. Tecnologia do Blogger.