8 de fev de 2013

Santarém: Morre o poeta Edwaldo Campos



Pangaré - Edwaldo Campos - Foto Jeso Carneiro
Edwaldo Campos, poeta e advogado. Foto: Jeso Carneiro
Encontrado morto, hoje de manhã (8), numa pousada em Alter do Chão, o poeta e advogado Edwaldo Campos, 63 anos.

O artista se suicidou.

Ele estava hospedado na pousada Belas Praias desde sábado. Sozinho.
Antes de se enforcar com uma corrente usada para atar rede, Edwaldo escreveu dois bilhetes. Um deles endereçado à família.

O ex-defensor público estadual era separado e tinha um casal de filhos com Fátima Rebelo – Ana Maria e Caio.
O corpo dele continua  na pousada.

Em dezembro do ano passado, Pangaré, como era conhecido entre os amigos, revelou, em entrevista na seção “No raso…” , que seu sonho era ser jornalista:

- Meu sonho sempre foi ser um jornalista, dono de jornal. Cheguei a exercer esse papel por cerca de 3 anos num pequeno tabloide semanal que circulava no Colégio Moderno, onde cursei o curso Clássico em Belém. Cheguei a pedir ao meu pai que comprasse o Jornal de Santarém, na época paralisado, em função da morte de seu titular Arbelo Campos Guimarães. Terminei tardiamente fazendo a vontade dele, formando-me em Direito. Ou melhor, meio advogado.

Edwaldo Campos, irmão do ex-prefeito Ronaldo Campos e do atual presidente da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) em Santarém, Ubirajara Bentes Filho, era natural de Alenquer.

Fonte: Jeso Carneiro

Nenhum comentário:

PREFEITURA DE JACAREACANGA E CONSELHO MUNICIPAL DA PESSOA DEFICIENTE, REALIZAM AÇÃO NO DIA NACIONAL DE LUTA DA PESSOA COM DEFICIÊNCIA

Está sendo celebrado nesta quinta-feira, 21, o Dia Nacional de Luta da Pessoa com Deficiência. Criada em 1982, a data representa o sur...

Postagens mais visitadas