24 de jun de 2013

IMORAL: BURACO VIRGEM EM ITAITUBA CUSTA 200 REAIS

Enquanto a família está fragilizada pela dor da perda do ente querido, o coveiro do cemitério do KM 06 busca aumentar a sua renda de forma grosseira e oportunista. Se os responsáveis pelo cemitério e a prefeita tem conhecimento do fato eu não sei, mas que uma vergonha, isso é. O coveiro está cobrando duzentos reais para enterrar pessoas em locais onde ainda não foi cavada outra cova. E a maneira que anuncia o negócio dele é chocante. “Se vocês quiserem enterrar nesse local, onde outras pessoas já foram sepultadas, eu faço, não custa nada, mas se quiserem um buraco virgem, custa duzentos reais”   e prossegue " vocês não estão pagando pela cova e sim pelo trabalho"
A verdade é que além de vexatória é imoral, se não for irregular. Se o coveiro ganha da prefeitura para cavar as sepulturas, por que está cobrando um extra. Seria ele dono das terras que ainda não foram usadas e que está vendendo. Pode ele executar um trabalho particular ali dentro da área do cemitério, escolhendo e oferecendo onde ainda não há sepulturas.
E não se trata da compra  do terreno oficialmente que dar direito ao uso para construir jazido, mas apenas um dinheiro extra para o coveiro fazer o trabalho em terrenos que estariam reservados por ele para ganhar dinheiro. 
Fonte:  Rota Policial de Itaituba

Nenhum comentário:

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

Vereadores de Jacareacanga aprovam novo Código Tributário e de Obras

A Câmara Municipal de Jacareacanga aprovou nesta sexta-feira (15) os Projetos de Lei do Novo Código Tributário Municipal (CTM) e de Obras ...

PortalBuré

Portal Buré © 2016. Tecnologia do Blogger.