16 de jul de 2015

Polícia Civil fecha estabelecimentos irregulares no município de Rurópolis


As Polícias Civil e Militar deflagraram, no último final de semana, a operação denominada “Dama da Noite”, para fiscalizar, ao longo de todo o mês de julho, bares, casas noturnas, dançarás, hospedarias e hotéis, para combater a prostituição infantil e a presença de adolescentes desacompanhados dos pais e em situação de risco, em Rurópolis, sudoeste paraense. Só no primeiro final de semana, três estabelecimentos foram fechados. Dois deles por falta de alvarás de funcionamento e outro após ter sido constatada a presença de adolescentes em estado aparente de embriaguez. Os proprietários foram notificados e só poderão voltar a funcionar após os responsáveis apresentarem os documentos regularizados. 
A ação policial será realizada na cidade e na zona rural do município, atingindo a comunidade de Divinópolis e ao longo da rodovia BR 230, a Transamazônica. Sob coordenação do delegado Ariosnaldo Vital Filho, a operação também conta com atuação de policiais militares, sob o comando do cabo Roberto Lages, e de representantes do Conselho Tutelar de Rurópolis, sob a coordenação da conselheira Adelinda Oliveira. A operação se constitui de vistoria dos estabelecimentos pelos policiais civis que recolheram alvarás de funcionamento com datas vencidas. 
De acordo com o delegado, havia diversas denúncias referentes à perturbação da ordem pública, poluição sonora e venda de bebidas alcoólicas a adolescentes nos locais. O delegado ressaltou que as operações policiais e fiscalizações em bares serão intensificadas ao longo do mês de julho. Segundo ele, a operação atende à Lei Federal nº 13.106, em 17 de março de 2015, que alterou o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) para tornar crime vender, fornecer, servir, ministrar ou entregar bebida alcoólica a criança ou a adolescente. A pena prevista é de detenção, de 2 a 4 anos, e multa.
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

Jacareacanga: Justiça interdita postos de gasolina por crime ambiental

Fonte: G1 A Justiça do Pará determinou a interdição cautelar do funcionamento de três postos de gasolina em Jacareacanga, sudoeste do ...

PortalBuré

Portal Buré © 2016. Tecnologia do Blogger.