Eficiência logística do Estado do Pará atrai novos investimentos Da Redação - Portal Buré

Portal Buré

O Blog Portal Buré foi criado em Outubro de 2007, para manter informados os moradores das regiões Oeste e Sudoeste do estado e de todo o Brasil.

5 de ago de 2015

Eficiência logística do Estado do Pará atrai novos investimentos Da Redação

Hoje o Pará é o novo polo logístico do Brasil, com condições de se transformar em um agregador de cargas multimodais”, afirmou o chefe-executivo da Hidrovias do Brasil, Bruno Serapião, ao defender que a região Norte passou a ser vista no meio empresarial como polo exportador e de geração de riquezas futuras, diante do cenário nacional que atualmente concentra as suas atenções na área logística na Região Sul do país. O assunto foi um dos temas no encontro do empresário com o governador Simão Jatene, que aconteceu na manhã desta quarta-feira, 5, no Palácio do Governo.
Bruno Serapião explicou que a Hidrovias do Brasil está no Pará há cinco anos e que investe cerca de R$1,5 bilhão no Estado. Esses investimentos estão basicamente divididos em ativos de rios, com a implementação de dois terminais e em ativos de navegação, com 12 empurradores e 180 barcaças. “O terminal em Vila do Conde, em Barcarena, será um terminal de uso privativo com capacidade para 8 milhões de toneladas de grãos. O de Miritituba, em Itaituba, será uma Estação de Transbordo de Cargas (ETC)”, contou Serapião.
Os terminais que estão sendo construídos em Itaituba e Barcarena devem começar a operar em janeiro e março de 2016, respectivamente. O município de Marabá também está nos planos da empresa, que pretende construir uma ETC no local, com acesso ao Rio Tocantins. O executivo disse ainda que a Hidrovias do Pará busca parcerias junto ao governo do Estado para desenvolver hidrovias na região. “Temos a intenção de desenvolver a Hidrovia Capim-Guamá e a do Tocantins, além de projetos de segurança da navegação. Esses são pontos a serem trabalhados em parceria com o Governo”, afirmou.
O governador Simão Jatene disse que o Estado reconhece a importância do desenvolvimento de hidrovias no Pará e que está investindo nesse setor. O governador falou do projeto da Plataforma Logística do Guamá (PLG), a ser implementada no município de Inhangapi, um investimento governamental para o aperfeiçoamento logístico que reflete na melhoria do trânsito na Região Metropolitana de Belém (RMB), pois uma das vantagens da PLG é a diminuição do fluxo de caminhões que trafegam atualmente na RBM.
“Acreditamos na capacidade desse Estado de usufruir melhor as suas potencialidades hidrográficas. Temos total interesse em projetos que desenvolvam a eficiência logística do Estado e que possam fomentar o desenvolvimento e a melhoria da qualidade de vida da população”, afirmou Jatene. O governador disse ainda, que as hidrovias são um complemento aos projetos de infraestrutura que estão sendo desenvolvidos pelo Estado do Pará como a Ferrovia Paraense (Fepasa).
Participaram da reunião, o Secretário de Estado de Transportes, Kleber Menezes; o Secretário do Programa Municípios Verdes, Justiniano Netto; o Diretor Financeiro da Hidrovias do Brasil, Fabio Schettino; o Diretor de Operações da Hidrovias do Brasil, René Silva; e o Diretor de Operações Norte, Carlos Chies.
Dani Filgueiras
Gabinete do Governador

Itaituba: SERIPA VISTORIA OS DESTROÇOS DO AVIÃO.

Um equipe do Serviços Regionais de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos – SERIPA, esteve hoje (23), realizando as primeira...

Páginas