13 de ago de 2016

Suposto terrorista que vinha para Belém é detido

O suposto terrorista marroquino Rachid Rafaa, de 40 anos, apontado como membro do grupo terrorista Al-Qaeda, foi detido neste sábado (13), no navio Ana Beatriz no estado do Amapá. De acordo com informações da assessoria da Secretaria de Estado de Segurança Pública e Defesa Social do Pará (Segup), o detido vinha para Belém. 

O Centro Policial de Cooperação Brasil-França emitiu alerta para a suposta presença na divisa entre Amapá e Guiana Francesa do marroquino. Ele teria sido visto em Saint-Georges, limite com Oiapoque, a 590 quilômetros de Macapá, conforme informou a Polícia Civil do Amapá, que recebeu o comunicado na quinta-feira (4). Rachid Rafaa é considerado foragido da justiça francesa desde 26 de julho.

O terrorista começou a cumprir prisão em maio de 2014, na cidade de Morne Rouge, na Martinica, por uma suposta ligação com grupos extremistas. A princípio, segundo o comunicado da polícia francesa, ele não apresentaria perigo físico, mas é considerado um especialista em Tecnologia da Informação (TI) do grupo Al-Qaeda.

O grupamento fluvial da Segup foi comunicado da prisão de Rachid Rafaa. 

Polícia já havia emitido alerta
A Polícia Civil do Amapá já havia emitido um alerta passado, na segunda-feira (08), passado pelas polícias francesas sobre um possível suspeito de ligação com grupos terroristas na região de fronteira franco-brasileira. A foto do suspeito foi trabalhada pela segurança pública do Amapá.

De acordo com o delegado Charles Corrêa, da Polícia Civil de Oiapoque, a difusão da imagem do suspeito no Brasil começou na quinta-feira (04), por meio de informações repassadas pela polícia francesa. “Isso é algo de interesse nacional e de alerta máximo. Todas as polícias estão à procura do suspeito”, disse o delegado.

Identificado pela polícia francesa como Rachid Rafaa de nacionalidade marroquina e suposto membro de grupo terrorista, foi visto recentemente na fronteira franco-brasileira, segundo informações da Polícia Civil do Amapá.

No Amapá, em razão da fronteira com Guiana Francesa, os órgãos de segurança pública do Estado intensificaram as fiscalizações de forma integrada com as Polícias Federal, Polícia Rodoviária Federal, Polícia Civil, Militar e Exército Brasileiro.

(DOL com informações da Segup) 

A Manauara derrotou o Trovão Azul e vai fazer a final com a Climafrio

Por Jota Parente  Aguardava-se um jogo muito disputado, pois embora a campanha do Trovão Azul tenha sido muito melhor, e apesar de A...

Postagens mais visitadas