29 de nov de 2013

Onze policiais militares são presos por envolvimento na morte de ex-presidiário

 Gleydison Meireles – da redação de ac24horas

Pelo menos onze policiais militares do Acre foram presos no início da manhã desta sexta-feira (29), acusados de participação no desaparecimento e suposta morte do ex-presidiário Gildemar da Silva Lima, o Aladin.

Gildemar da Silva Lima, de 24 anos, desapareceu no dia 9 de agosto após ser levado de sua casa no loteamento Praia do Amapá, em Rio Branco, capital do Acre. A família relatou as autoridades policiais que os homens estavam armados e se identificaram como policiais.

Neste momento os militares estão sendo encaminhados a Unidade Prisional 04 (UP-04), após realizado os exames de corpo de delito.

A Polícia Civil foi a responsável pelas investigações e a Polícia Militar pela execução das prisões, para evitar uma crise institucional.

O nome dos envolvidos está sendo mantido sob sigilo, mas de acordo com a assessoria de imprensa da Polícia Civil, uma coletiva está sendo preparada para acontecer às 9h no auditório da Secretaria de Estado da Polícia Civil (SEPC).

Nenhum comentário:

JURUTI: Promotoria ajuíza Ação contra 14 reús no caso “mensalinho de Juruti”

A promotoria de Justiça de Juruti ajuizou Ação Civil Pública por ato de improbidade administrativa em face do ex-prefeito municipal, três ve...

Postagens mais visitadas