Header Ads

Ação de Cidadania estará em Itaituba e Jacareacanga.

Mais de mil moradores das comunidades do Aurá, Mariguella e Anita Gerosa, em Ananindeua, participaram de uma Ação de Cidadania promovida pelo Núcleo de Articulação e Cidadania (NAC) e a Fundação Pro Paz na manhã deste sábado, 11, na Escola Municipal Padre Pietro Gerosa, na Estrada do Aurá.
Foram ofertadas 200 carteiras de identidade, 150 carteiras de trabalho, emissão da 1ª e 2ª vias de Certidão de Nascimento e fotografias 3x4. As orientações jurídicas foram fornecidas pela Defensoria Pública. A comunidade também pode saber mais detalhes sobre o cheque moradia, amamentação e doação de leite materno e primeiros socorros. Também foram oferecidos testes rápidos de HIV e em uma unidade móvel do Corpo de Bombeiros eram realizados atendimentos odontológicos.
Larissa dos Santos, 18 anos, veio acompanhar a irmã e uma amiga em busca da segunda via do documento de identidade e aproveitou para fazer a primeira consulta ao dentista. “Eu nunca tinha ido ao dentista e, apesar de não estar nervosa, estava ansiosa para saber como seria. Nem precisei fazer muito coisa, só tirei a raiz de um dente de leite. Agora quero tentar ir com mais frequência ao consultório odontológico”, disse a jovem.
O serviço mais procurado foi a emissão de primeira e segunda via da carteira de identidade. Joelson Silva, de 42 anos, ficou sabendo da ação por acaso. Ele veio para tirar a primeira via do RG da mãe, Geracina Morais, de 79 anos. A idosa que morava no interior nunca teve documentação. “Na semana passada eu estava tirando foto 3x4 da minha mãe e me disseram que teria essa ação hoje aqui. Foi muito bom, pois seria complicado ter que levar ela em algum lugar longe de onde moramos. Com o documento, vamos em busca de uma aposentadoria, já que ela é deficiente visual”, contou Joelson.
Uma das salas da escola foi transformada em brinquedoteca onde as crianças puderam pintar e brincar enquanto os pais eram atendidos. A programação contou com a parceria da Defensoria Pública do Estado, secretarias de Assistência, Trabalho, Emprego e Renda (Seaster), Justiça e Direitos Humanos (SEJUDH), Saúde Pública (Sespa), Segurança Pública e Defesa Social (Segup), além da Companhia de Habitação do Estado, Cruz Vermelha – Filial Pará e Prefeitura de Ananindeua.
Para o coordenador do Pro Paz Cidadania, Vagno Ramos, o verão será de muito trabalho. “Temos ações agendadas para todo o mês de julho. No dia 13 estaremos em Altamira, no dia 21 em Itaituba e dia 28 em Jacareacanga. Serão 14 dias de ação e esperamos atender cerca de 13 mil pessoas somente nesses três municípios”, disse o coordenador.
“Esse é o papel do NAC, articular melhorias para a população mais carente. Fiquei feliz em ver a integração de vários órgãos do governo e instituições do terceiro setor com um único objetivo que é oferecer serviços importantes para a comunidade”, disse Daniele Khayat, diretora geral do NAC.
Tecnologia do Blogger.