25 de abr de 2013

Presidente demarca e amplia em mais de 700% terra indígena em MT



Área fica entre Apiacás (MT) e Jacareacanga (PA), com 1,053 milhão de ha.
Território vai abrigar povos das etnias Kayabi, Munduruku e Apiaká.

Do G1 MT

A presidenta Dilma Rousseff homologou a demarcação da terra indígena Kayabi localizada entre os limites dos municípios de Apiacás (MT), distante 1.005 quilômetros de Cuiabá e Jacareacanga (PA). O decreto aumenta a reserva indígena de 127 mil hectares para 1,053 milhão, o que corresponde a uma ampliação de  729% na área.

A demarcação, realizada pela Fundação Nacional do índio (Funai), foi publicada no Diário Oficial da União (DOO) que circula nesta quinta-feira (25).

A área é destinada a posse permanente dos grupos indígenas Kayabi, Munduruku e Apiaká. A terra indígena está localizada na confluência do Igarapé das Pedras com o rio São Manoel/Teles Pires.

O território foi criado em 1968. Em 1974 foi demarcado com 47 mil hectares e, em 1987, foi remarcado aumentando para 127 mil hectares. Em 1999, um estudo da Funai indicou a necessidade da ampliação da área indígena na região.

Atualmente, o estado de Mato Grosso é o segundo em número de índios do país. São 47 etnias em 78 terras indígenas, que estão em diferentes fases de regularização. Até o momento, o estado possui 11,2 milhões de hectares regularizadas, onde estão 57 terras indígenas localizadas em 46 municípios. São mais de 24 mil indígenas.

Nenhum comentário:

Empreendedoras de Itaituba vencem Prêmio do Sebrae estadual

Por Jota Parente Empreendedoras de Itaituba estão entre as três vencedoras da etapa estadual do Prêmio Sebrae Mulher de Negócios, premiação...

Postagens mais visitadas