24 de jun de 2014

Jacareacanga: Acaba o prazo de contratar professores indígenas.

Acabou dia 16/06 prazo estipulado pelo MPF-Ministério Público Federal de Santarém, através da recomendação 001/2014, para que a prefeitura municipal de Jacareacanga, através da secretaria municipal de educação, efetuasse a contratação dos 70 (setenta) professores indígenas, que não foram contratados no início do ano letivo de 2014, sob a justificativa de não terem a formação mínima necessária para ministrarem aulas nas escolas das aldeias indígenas do grupo Munduruku, no município de Jacareacanga. 

O fato apenas confirma a omissão e a falta de responsabilidade do prefeito municipal com uma política de educação que garanta aos indígenas Munduruku o direito a uma educação inclusiva, de qualidade e que respeite as especificidades do grupo indígena.

Agora, resta-nos aguardar as medidas legais cabíveis que deverão ser adotadas pelo MPF contra os responsáveis pela omissão.

A pedido dos Munduruku, MPF intensifica atuação contra garimpo ilegal em terra indígena no Pará

O Ministério Público Federal (MPF) convocou reunião para esta sexta-feira (20) em Itaituba, no sudoeste do Pará, para levantar dados sobre...

Postagens mais visitadas