Header Ads

Pedreiro “MONSTRO” acusado de estuprar duas crianças de 05 e 08 anos em Itaituba-PA

Paulo Luiz Xavier: Acusado de estupro.


A denuncia chegou ao conhecimento da Dr. Suelen Costa através da família da menor de 05 anos, que delatou Paulo Luiz Xavier, que esta sendo chamado o monstro do bairro da floresta. Segundo informações, Paulo levava todos os dias sua enteada menor de 08 anos ao colégio, como a menor de 05 anos é vizinha e estuda na mesma escola, sua mãe pediu para que Paulo também levasse sua filha, pedido esse que foi aceito normalmente por Paulo.
DPC Suelen Costa: Delegada Titular da Mulher em Itaituba.
O que era para a solução de um problema se transformou em uma tragédia. Logo no primeiro dia, a menor de 05 anos foi covardemente estuprada por Paulo. Ao chegar a sua residência, a criança contou a sua mãe que, Paulo ao buscar as duas na escola levou as mesmas para tomar sorvete e em seguida para apreender dirigir em local pouco movimentado da cidade.

Mesmo com pouca idade a menor de 05 relatou inocentemente para sua mãe, para a conselheira tutelar e para a Delegada tudo o que aconteceu. Segundo ela, Paulo colocou a mesma em seu colo para que ela segurasse no volante de seu veiculo, momento esse que ele passava a mão sob suas partes intimas e se excitando, tudo estava acontecendo sob o olhar inocente de sua enteada que já tinha passado pela mesma situação.

Não contente com os abusos, Paulo parou o veiculo e iniciou seu processo de masturbação, com uma de suas mãos e outra era usada para acariciar a menor de 05 anos que não entendia o que estava acontecendo, em uma atitude insana e monstruosa Paulo teve a audácia de pedir para que as duas pegassem e cuspissem em seu órgão, e para agravar mais ainda ao ejacular colocou o esperma nas mãos das duas crianças.

Todos esses detalhes sórdidos foram relatados a Drª. Suelen Costa que ficou chocada. Imediatamente pediu a prisão de Paulo Luiz Xavier que trabalha como pedreiro e na tarde de hoje quarta feira foi sua própria residência no Bairro da Floresta pela equipe da Delegada. A esposa de Paulo não foi avisada da investigação contra seu marido, tanto que, na hora da prisão ela ficou bastante assustada. A Delegada da esta suspeitando de que Paulo já vinha abusando de sua enteada há bastante tempo.

Depois de preso não Paulo não quis da entrevista, dizendo que, só iria se manifestar quando soubesse o que as duas crianças falaram a delegada. Segundo a Delegada Suelen Costa, o crime que Paulo cometeu foi ‘Estupro de Vulnerável’ baseado Art. 217-A. Que diz (Ter conjunção carnal ou praticar outro ato libidinoso com menor de 14 (catorze) anos). Paulo se condenado poderá pegar de 8 (oito) a 15 (quinze) anos.

Texto: Junior Ribeiro com informações de Liah Martins (TV - Record Itaituba) 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.