Header Ads

DSEI Rio Tapajós promove capacitação para garantir qualidade da água em áreas indígenas


Objetivo é qualificar equipes técnicas para monitoramento da água
O Distrito Sanitário Especial Indígena Rio Tapajós (DSEI RT) realizou, entre os dias 26 e 29 de junho, uma Capacitação de Qualificação e Implementação de Ações de Garantia da Qualidade da Água em Áreas Indígenas. A oficina foi organizada pelos Serviços de Edificações e Saneamento Ambiental (SESANI) e pela Divisão de Atenção à Saúde Indígena (DIASI).
A capacitação teve como objetivo qualificar os profissionais do Núcleo de Controle de Qualidade de Água (NCQA), essencial para dar suporte à equipe multidisciplinar atuante no território indígena, dando condições técnicas às equipes para a plena execução das ações de garantia da qualidade de água das comunidades do DSEI Rio Tapajós. Foram abordados temas como aspectos normativos, bem como ações que devem ser adotadas para garantir o fornecimento de água potável à população indígena.
A coordenadora do DSEI Rio Tapajós, Cleidiane Carvalho Ribeiro, esteve presente no evento, bem como o prefeito de Jacareacanga, Raimundo Santiago, município que concentra nove dos 11 polos base do Distrito. Na ocasião, foi selada uma parceria entre DSEI e prefeitura para a realização de análise da água, processo fundamental para o êxito do Programa de Qualidade de Água. “É de suma importância garantir água de qualidade aos indígenas munícipes de Jacareacanga. Este é um compromisso da prefeitura, e com a parceria do DSEI Rio Tapajós, seremos capazes de alcançar esse objetivo”, afirmou o prefeito.
A realização do evento no DSEI RT – que reuniu cinco farmacêuticos, um geólogo, dois técnicos em saneamento, um enfermeiro e um químico – foi uma proposta que surgiu durante a Capacitação Nacional de Qualificação e Implementação de Ações de Garantia da Qualidade da Água em Áreas Indígenas, que aconteceu em Brasília em maio deste ano.
A coordenadora do DSEI RT enfatizou a importância da qualidade da água: “A água promove saúde e bem-estar, e a população indígena merece água potável de qualidade para consumo no território”. O SESANI em breve irá executar no território o plano de ação elaborado.
O DSEI Rio Tapajós atende as populações indígenas Munduruku, Munduruku-cara-preta, Kaiapó, Kayabi, Apiaká, Ava-canoeiro, Tembé, Cumaruara e Maitapu, totalizando 12.570 indivíduos, distribuídos em 142 aldeamentos. Dos 11 polos base, nove estão localizados no município de Jacareacanga, um em Itaituba e um em Novo Progresso, sendo que todos possuem Equipes Multidisciplinares de Saúde Indígena. O DSEI RT conta ainda com quatro Casas de Saúde Indígena (CASAI) nos municípios de Itaituba, Jacareacanga, Novo Progresso e Santarém, todos localizados no estado do Pará.
Por Lígia Benevides, do Nucom Sesai 
Com informações do DSEI Rio Tapajós 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.