19 de fev de 2017

CELPA: AGRICULTORES SÃO ESCLARECIDOS SOBRE TARIFA SOCIAL DE ENERGIA ELÉTRICA


Na última sexta-feira, 17, os agricultores familiares dos bairros Jutai e Área Verde, deram uma pausa no trabalho para ouvir e tirar dúvidas sobre as tarifas sociais oferecidas no Pará pela Celpa.

Equipes da concessionária e da CGB apresentaram o programa de tarifas, especificamente para a área rural, como forma de contribuir para o consumo correto e um preço justo, a partir dos serviços oferecidos aos clientes que atuam com atividade de agricultura e irrigação.

De acordo com a consultora da Celpa, Renata Meireles, a Resolução 414/2010 da Aneel garante desconto em um período diário de oito horas e trinta minutos a esses trabalhadores, precisamente no horário das 21h30 às 6 horas da manhã. Na região, os descontos podem chegar a até 80 por cento, conforme explicou a consultora.

A agricultora Lucinilda Pereira, 47 anos, moradora do Jutai, disse que utiliza o sistema de irrigação para manter o plantio de horta na área onde mora e a partir dos esclarecimentos irá se adequar para que seja contemplada com a tarifa rural. “Essas informações chegaram na hora certa para nós que, diariamente, garantimos alimentos de qualidade na mesa do consumidor santareno”, comemorou.

De acordo com a agricultora, Nelma Santos, 34 anos, da Área Verde, quando há desconto na tarifa de energia todos são beneficiados, inclusive os consumidores, com o baixo preço dos produtos da agricultura que são colocados à venda nas feiras e mercados da cidade.


Assessoria de Imprensa Centro Oeste e Oeste 
Leíria Rodrigues
Núbia Pereira

A pedido dos Munduruku, MPF intensifica atuação contra garimpo ilegal em terra indígena no Pará

O Ministério Público Federal (MPF) convocou reunião para esta sexta-feira (20) em Itaituba, no sudoeste do Pará, para levantar dados sobre...

Postagens mais visitadas